AS 5 CHAVES PARA A RIQUEZA E PARA A FELICIDADE

Todos nós temos a capacidade de assumir o comando absoluto de nossas vidas, mas ter a capacidade não é o mesmo que usá-la.

A vida é cheia de armadilhas que nos impedem de maximizar o nosso potencial. As 5 chaves para a riqueza e para a felicidade, juntas, são o seu mapa para entender onde algumas dessas armadilhas se encontram, e também, seu guia prático para superá-las. Se você dominar essas chaves, não haverá limite para o que você pode ser, fazer e ter!

Chave 1: Você tem que aprender a lidar com a frustração.

A frustração pode matar sonhos (e geralmente é isso o que acontece). Ela pode transformar uma atitude positiva em uma atitude negativa, um estado construtivo em um estado destrutivo. Olhe para quase qualquer grande realização ou empreendimento, e você vai descobrir que tem havido um conjunto enorme de frustração ao longo do caminho. Todas as pessoas bem-sucedidas sabem evoluir através de seus bloqueios e limitações, usando cada revés como uma experiência única, interessante e brilhante de aprendizagem.

Chave 2: Você tem que aprender a lidar com a rejeição.

Existe alguma coisa na língua humana que fere mais do que o “não?”, se existe eu desconheço. Quantas vezes você já pensou em tentar uma posição mais privilegiada na sua empresa (e de alguma forma seu pensamento não virou decisão e morreu na praia), pois você não queria correr o risco de ser rejeitado? Não há verdadeiro sucesso sem rejeição. Quanto mais rejeição você enfrentar e superar, melhor você se mostra ser, mais você aprendeu, e quanto mais próximo estiver ao seu resultado, mais perceberá que usar a rejeição ao seu favor é a forma mais inteligente de criar um futuro irresistível.

Chave 3: Você deve aprender a lidar com a pressão financeira.

Existem quatro leis básicas que controlam o dinheiro e determinam quem vai ser rico e quem vai ser pobre, são elas: ganhar, gastar, economizar e investir. Geralmente as pessoas sabem lidar bem com o gastar, não sabem como aumentar seus ganhos, tem uma noção distorcida do economizar e não possuem conhecimentos suficientes para investir, o que se torna uma catástrofe anunciada. A manutenção emocional da pressão financeira é tão importante quanto ganhar dinheiro e ser bem-sucedido financeiramente. Se você tem dificuldade para lidar com R$ 1.000,00, terá arrepios e calafrios ao lidar com R$ 100.000,00, e quem dera, quando lidar com quantias maiores. O segredo não é trabalhar por dinheiro, mas sim fazer o dinheiro trabalhar por você, e isso deriva do controle emocional (Emotional Fitness). O dinheiro é como qualquer outra coisa na vida, você pode fazê-lo trabalhar para você e por você, ou contra você. Aprenda a lidar com a pressão financeira com a mesma finalidade e elegância como você lida com outras coisas em sua vida, assim o dinheiro não será mais uma fonte de infelicidade ou de ideais comprometidos.

Chave 4: Você deve aprender a lidar com a complacência.

Todos nós já vimos celebridades, atletas, empresários, entre outros, que atingem um nível de sucesso e depois caem. Comodidade pode ser uma emoção desastrosa, porque quando ficar muito confortáveis, paramos de crescer e evoluir, deixando de criar, compartilhar e agregar valor. A chave para gerenciar a complacência é manter o foco em seu propósito (missão, visão ou valores), e ao fazer isso, certifique-se de não fazer “o melhor nas menores coisas”.

Chave 5: Sempre dê mais do que você espera receber.

Eis a chave mais importante, porque praticamente garante a verdadeira felicidade e uma realização profunda. A maioria esmagadora das pessoas gastam o próprio tempo pensando e arquitetando o como podem receber mais. Nossas vidas mudam, drasticamente, no mesmo momento em que mudamos o nosso foco de tudo o que podemos receber para tudo o que podemos (e devemos) dar. A chave para qualquer relacionamento é que você tem que dar primeiro e depois continuar a dar. Gosto das palavras de Jean Vien Jean: “Se cada um varresse a calçada da sua casa, no fim do dia a rua toda estaria limpa”. Não fique parado e esperando para receber, dê mais e mais, e faça por merecer!

“Não são os acontecimentos de sua vida que determinam o como você se sente e age, mas sim a maneira como você interpreta e avalia essas experiências.”
— Anthony Robbins

Amor e Sabedoria.

Thiago Tombini

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s